Para conhecermos os amigos é necessário passar pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e, na desgraça, a qualidade.
Praticar a avareza é romper os elos da amizade e ter que andar pelos caminhos dos sós. Ninguém acompanha o avaro. Ele vive perdido na ilha de si mesmo, onde o valor do amor sublime é substituído pelo amor ao vil metal

Imagine você mergulhando no azul piscina do mar de Pajuçara, deixando o sol bater no seu rosto, vendo as jangadas partindo para o mar para pescar... Como diz a famosa música de Maceió... Uma experiência única que não deixa a dever a nenhuma praia do mundo, ao contrário, o mundo é que deixa a dever a Maceió.


Foi uma viajem inesquecivel para um lugar incrivel, repleto de belezas naturais.

Para quem aprecia praias não existe local com tantas tão belas como Maceió e Alagoas. Além de várias opções de diversão e turismo gastronômico.


Enfim, Maceió é perfeito.


"Cada pessoa que passa em nossa vida, passa sozinha, é porque cada pessoa é única e nenhuma substitui a outra! Cada pessoa que passa em nossa vida passa sozinha e não nos deixa só porque deixa um pouco de si e leva um pouquinho de nós. Essa é a mais bela responsabilidade da vida e a prova de que as pessoas não se encontram por acaso."
A música pode traduzir pensamentos, acolher almas e divertir. Umas não tem explicação e outras podem servir para alguns momentos. Em determinadas ocasiões música é apenas música.Pois é, quem nunca desejou ficar sozinha em seu quarto, escuro, escutando apenas aquela seleção especial que você fez para aquele momento. Pode ser que você já tenha pensado nela antes, pode ser que você a faça na hora mesmo, mas ela sempre será especial.Um momento único, impagável! Você com você mesmo.Mas, também existem momentos em que queremos uma companhia ou várias companhias. Pode ser uma balada com os amigos, uma festa na casa de alguém, uma zoeira no carro, uma ida da casa para o trabalho, enfim, muitos momentos.Ela embala momentos bons e ruins.Quem nunca se sentiu num filme de Hollywood?Quando algo acontece e logo vem aquela música opinando, te dizendo o que fazer, retratando o acontecimento ou apenas estimulando os seus sentimentos. Até parece que a música está ali, para que todos possam compartilhar dela.Independente de estilos, música é música! Ela pode ter vários pontos de vista, mas sempre vai ter alguém que diz “Ela foi feita para mim”.
Acontece! E esta é a magia da música, embalar as pessoas na sua essência. Verdade!Você pode conhecer uma pessoa pelo que ela escuta, são assim denominadas ‘tribos’, mas você também pode saber como ela está se sentindo e o que está se passando na vida dela. Tudo isso através da música.Saudades, alegrias, momentos simples e especiais que são lembrados todas as vezes em que escutamos AQUELA música e todas elas juntas vão completando a trilha sonora da sua vida.
E como diria o mestre Cazuza, "O tempo nao para"
Uma pessoa qualquer geralmente é um ser insignificante, são pessoas ditas normais que vivem vidas normais, e muitas vezes se acomodam com a situação. Porém no interior do indivíduo, há sempre algum tipo de ideal, algum tipo de sonho, que não vê à hora de ser libertado.
Por sorte, ainda existem pessoas que são maiores que os seus sonhos, pessoas que não se limitam e encaram a vida de forma diferente, sem medo, vivendo a seu modo, com intensidade e moldando cada uma de suas experiências naquilo que quer.

“Algumas vezes quebram-me as pernas, chutam-me a cara, pisam-me os dedos. Eu sobrevivo. Tenho sobrevivido sempre. Sou marcada. Sim. Mas faço valer cada uma das minhas cicatrizes”

A vida pode ser considerada chata e repetitiva, mas se você prestar atenção pode transformá-la em uma linda história onde a beleza se encontra no olhar de cada um. Pequenas coisas, gestos, palavras, tudo pode ser belo e encantador se você quiser que assim seja.
A medida que o tempo passa as pessoas vão mudando, nada será para sempre a mesma coisa, não podemos apagar o que já foi feito e nem editar os fatos, como num filme, onde colocamos somente as melhores cenas.Ao invés de um filme cada um de nós, agora, está escrevendo um livro. Podemos até mesmo escolher as pessoas que nos ajudaram a compor o enredo. Mas não podemos banalizar as palavras e os sentimentos, eles são tão importantes quanto o sangue que corre em nossas veias.

“Hoje vou procurar como louca a palavra que se perdeu, que escapuliu da ponta dos meus dedos. Um monte de frases se formam na minha cabeça, parágrafos inteiros, alguns fogem, e eu deixo que eles fujam porque sei que posso recuperá-los, bem melhores, adiante...Não me desespero mais.”

Não estou dizendo que temos que nos esconder atrás de nossos ideias e viver num mundo de fantasias, mas sim que não adianta reclamar da vida. Os sonhos são a base para as nossas conquistas, eles nos impulsionam para a vida.
Algumas coisas acontecem por que têm que acontecer, encare-a de outra maneira, não fuja!

A Mulher Pisciana

De delicada sensibilidade , graciosa e quase etérica, sonhadora e profunda em suas reflexões, parece viver fora da realidade e que não lhe importa o mundo ao seu redor. Porém, pode se suceder que Peixes dê, também, no aspecto físico, um tipo distinto e oposto em sua expressão.

Júpiter e Netuno, ambos regentes ao seu modo, cada um deles aporta do pisciano suas qualidades e defeitos. Júpiter é benevolente, extrovertido, exuberante, justo e alegre. Netuno, oitava superior de Mercúrio, geralmente dá seus aspectos negativos, pois os positivos os recebem uma Alma muito superior; então, vamos achá -Ia muito sensual, fácil às tentações, indolente e pouco dada aos cuidados pessoais. Não se pode generalizar isso: ainda que de modo corrente essas duas tendências se equilibrem, pode só predominar em especial uma delas. A maturidade que pode alcançar é profunda, mas com grande sentido de sacrifício.

Susceptível como o Mar aos movimentos da Lua, pode cair em estados de forte depressão. Em seu lar, assim como em sua própria personalidade, mostrará "um dos dois peixes": ou o ordenado, sério, delicado e limpo, ou o outro, que é totalmente o inverso. Sendo um pouco débil, é necessitada de compreensão; e pode se sublimar com as manifestações da Arte.

Muito idealista no amor, pode de pronto passar grande parte de sua vida buscando a seu companheiro, o de seus sonhos, resultando assim um tanto "donjuanesca".

Fortemente sensual, pode se voltar para um exclusivismo egoista; porém, em momentos difíceis, impera sua generosidade, com a qual envolve por completo a seu companheiro. Pode ser duro, mas não injusto; precisa ser aceito para não se sentir abandonado. Como não consegue aguentar a rudeza e o esquecimento, pode se casar mais de uma vez. Tem uma alma de músico, escritor, poeta e de todas facetas estéticas.

Pode sonhar com dor e sofrimento porque tem um espírito muito humanitário, mas o amor não fica de lado. Os sonhos premonitórios também marcam presença, já que a sua mediunidade costuma ser muito acentuada.

Último signo do Zodíaco, Peixes também é o último da série dos signos mutáveis, aquele que dispersa e distribui tudo o que todos os signos anteriores construíram e criaram no ciclo de manifestação. Assim como ele se dedica ao entendimento geral de tudo, porque sabe que tudo tem um fim, também sabe que está na fronteira de dois mundos. Um mundo que termina, outro que deve começar dentro em pouco. Nesse limiar, Peixes permanece, sentindo e pressentindo o que ainda virá, e o que já foi, tentando ensinar ao mundo a lição de todos somos partes de um mesmo organismo, que não há separação.

No mar de emoções instáveis como o oceano, governado por Peixes, está este signo que acompanha todos os que estão se despedindo de um ciclo, daí sua relação com os internatos, os que saíram do convívio humano, aspirando uma ordem ainda invisível. Os hospitais, onde muitos passam de um plano para outro, também é o lugar relacionado com peixes, assim como os portos, onde se vê ao longe a possibilidade de um mundo que se desconhece, mas que se pressente.

Peixes representa o conseqüente escapismo, a fuga do mundo, o devaneio e o ar vago, a modéstia e um certo ar de vítima do mundo que às vezes exibe. Com a enorme empatia que sente pelos desfavorecidos, Peixes quer a justiça, mas a divina, pois "seu reino não deste mundo" e ele entra pela porta dos fundos em todas as situações, mas acaba sempre dando seu recado, porque o céu fala por sua boca.

Assim é Peixes, que às vezes é saltimbanco na vida, sem saber muito bem como anda e para onde vai, sempre seguindo com fé sua intuição e sua sensibilidade artística, principalmente musical. Peixes vê com os olhos amplos, fixos no horizonte e pouco lhe interessam os detalhes. "Navegar é preciso" é um lema deste signo, lítico, incompreendido, sentimental ao extremo, capaz das maiores loucuras e das maiores provas de compaixão humana. Almeja o transcendente, como Sagitário ou Escorpião, mas à sua especial maneira – sem fazer alarde, sem querer convencer ninguém, mas com uma força de alma que é conhecido pela sua "reza forte", que cai como uma bênção nas almas aflitas.

Adeptas irresistíveis da moda, são experts em criar climas e efeitos sedutoramente mágicos com seus trajes. Camaleoas, mutáveis, irresistíveis, a cada nova roupa, uma nova mulher. Supersticiosas, não usam preto na sexta-feira e só entram o ano com a cor recomendada ... desde que seja branco.


A queda necessaria...

...Para voltar a ter os pés no chão!



Liberdade Incondicional

Vai escorregar-lhe das mãos. Vai cair. Vai voar.


Para você ganhar belíssimo Ano Novo.cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido(mal vivido talvez ou sem sentido)para você ganhar um anonão apenas pintado de novo, remendado às carreiras,mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;novoaté no coração das coisas menos percebidas(a começar pelo seu interior)novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,mas com ele se come, se passeia,se ama, se compreende, se trabalha,você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,não precisa expedir nem receber mensagens(planta recebe mensagens?passa telegramas?)
Não precisafazer lista de boas intençõespara arquivá-las na gaveta.Não precisa chorar arrependidopelas besteiras consumidasnem parvamente acreditarque por decreto de esperançaa partir de Janeiro as coisas mudeme seja tudo claridade, recompensa,justiça entre os homens e as nações,liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,direitos respeitados, começandopelo direito augusto de viver.
Para ganhar um Ano Novoque mereça este nome,você, meu caro, tem de merecê-lo,tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,mas tente, experimente, consciente.É dentro de você que o Ano Novocochila e espera desde sempre.


Carlos Drummond de Andrade


Não sei... Se a vida é curta
Ou longa demais pra nós,
Mas sei que nada do que vivemos
Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo,
É o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela
Não seja nem curta,
Nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira, pura...
Enquanto durar.


Cora Coralina

Ninguém devia morrer sem ter ido ao show de Nando Reis ao menos uma vez na vida.E ficar até o fim, o que não é pra qualquer um, diga-se, porque o cara é um fenômeno : cantou 3h sem parar. Eu estou sem voz, mas ainda consigo escrever...
Essa música eu não conhecia. É linda.

"Ainda não passou"

Triste é não chorar
Sim eu também chorei
E não, não há nenhum remédio
Pra curar essa dor
Que ainda não passou
Mas vai passar!
A dor que nos machucou
E não, não há nenhum relógio
pra fazer voltar... O tempo voa!Triste é não chorar
Sim eu também chorei
E não, não há nenhum remédio
Pra curar essa dor
Que ainda não passou
Mas vai passar!
A dor que nos machucou
E não, não há nenhum relógio
pra fazer voltar... O tempo voa!Eu não suporto ver você sofrer
Não gosto de fazer ninguém querer riscar o seu passado
E o que passou, passou
E o que marcou, ficou
Se diferente eu fosse será que eu teria sido amado?
Por você, por você